Como manter a dieta no Self service

  • Publicado em 08/06/2018

Adicionar no seu Flipboard

Com a falta de tempo da vida corrida que levamos, se manter na dieta trabalhando fora é algo complicado. A maioria que opta por fazer suas refeições em self-services acaba por acusá-los do insucesso de sua dieta. Mas, não é bem assim. Mesmo em restaurantes como esses é possível encontrar opções que te manterão na dieta.

Para auxiliar nas boas escolhas, separei algumas dicas:

- Antes de entrar e fazer o prato, analise as opções disponíveis. Assim, você correrá menos risco de montar um prato muito cheio e com alimentos mais calóricos.

- Comece pelas saladas, que geralmente estão dispostas logo na entrada. Assim, ficará mais fácil montar um prato com poucas calorias, mas rico em fibras e nutrientes, e ainda ajudará em sua saciedade.

- Nem pense em colocar um pouquinho de cada opção em seu prato! Ao final só terá comida além do necessário, ultrapassando sua meta calórica, e levando ao consequente aumento de peso.

- Ao fazer seu prato, o divida em 4 partes iguais: Uma os vegetais (crus e cozidos), uma para os carboidratos (arroz, macarrão, batata), uma para leguminosas (feijões e grãos em geral) e outra para as proteínas (carnes ou ovos), e sendo carnes, essas preferivelmente cozidas ou grelhadas.

- Já no quesito molhos e temperos, muita calma nessa hora!!!
Moderação é a palavra de ordem. Fique atento também aos rótulos dos molhos industrializados (quatro queijos, parmesão, rosé,...), pois lá você terá a informação dos valores calóricos de cada um. Observe também a quantidade de sódio, corantes, conservantes. Opte por molhos e temperos frescos como o o vinagrete, limão, vinagre ou azeite.

- Não indico que se consuma bebidas de qualquer tipo durante as refeições. Tal atitude pode atrapalhar a digestão e a absorção dos nutrientes, pois, os líquidos aumentam o volume do estômago, levando a um maior espaço de tempo para se esvaziar, podendo causar até mal estar. Sendo uma bebida gaseificada, o efeito dilatador do gás fará com que se sinta mais mal. Se for muito difícil não beber nada, ingira até 200 ml de água ou um suco natural. 

- A Sobremesa....nesse momento a primeira escolha deve ser as frutas (fontes de fibras, vitaminas e minerais essenciais). Tente trocar o pudim por uma fatia de abacaxi, que é um grande auxiliar no processo da digestão. Mas se você não resiste a um docinho, escolha apenas uma porção pequena, não muito elaborada.
 




Quer fazer uma Avaliação ou marcar uma consulta ?
Avaliação

A tecnologia da bioimpedância simplicidade e rapidez, fornecendo uma informação completa sobre a nossa condição atual e uma orientação sobre a composição corporal ideal.

Planejamento

A partir dos dados obtidos serão traçados objetivos e metas para o paciente. Será elaborado um plano nutricional e um cardápio personalizado e individual.

Suplementação

Tanto o plano alimentar quanto a suplementação será direcionada conforme as necessidades do paciente: perda de peso, ganho de massa muscular, performance, preparo físico e competições.

Quer receitas e Cardápios em seu e-mail ?