Mindfulness

Mente sã , corpo são

  • Publicado em 21/05/2017

Adicionar no seu Flipboard

Algumas pessoas tem o hábito de beliscar alguma comida enquanto trabalha, estuda , dirigi ou até mesmo quando não tem nada para fazer. É comum não percebermos a quantidade de alimentos que estamos ingerindo durante o dia, porém há um ganho de calorias muito maior no nosso corpo do que você imagina. E a dieta mindfulness é a forma comprovada de treinar seu cérebro para resistir a desejos e alimentos pouco saudáveis, e é muito fácil de fazer.

 

Não é de surpreender , não é mesmo ?! Há tantos alimentos industrializados e práticos em nossa volta que chega ser difícil resistir a tentação. Hábitos alimentares pouco saudáveis pode rapidamente tornar-se armazenados em nossos cérebros como respostas automáticas que se instalam no subconsciente, assim como a mecânica de condução ou amarrar os cadarços. Se você quer perder peso, terá que quebrar esses armazenamentos automáticos de alimentos no organismo e fazer o seu cérebro começar de novo, o que isso significa ? Significa que terá que ensinar o seu cérebro comer conscientemente. A IDÉIA É que ensina O INDIVÍDUO comer de forma saudável, sem qualquer esforço, para que você aprenda a realmente apreciar a sua comida.Tudo isto é feito através do poder da “atenção plena”: uma técnica psicológica fácil de aprender que lhe dá a chance de ser “presente” no momento e fazer um balanço das mensagens que seu corpo está lhe dizendo. Comer sem realmente pensar sobre o que estamos comendo nos permite consumir milhares de calorias sem pensar.

 

Em outras palavras, em prestar atenção nos momentos de fome e saciedade e comer de acordo, na medida. Nem mais, nem menos. Isso parece simples, mas exige treino e criação de novos hábitos.

Mindfulness” é um termo que foi traduzido para o português como atenção plena e em sua essência refere-se à uma qualidade de atenção imbuída de gentileza e curiosidade. Mindfulness é uma abordagem terapêutica que propõe uma forma de experimentar o momento presente de forma plena, de forma deliberada e intencionada, não é apenas mais um chavão psicológico: é cientificamente comprovado para o trabalho. Numerosos estudos mostram que a atenção plena pode reduzir o estresse, aliviar a dor, aumentar a imunidade e até mesmo afastar a depressão. A Universidade Duke for Integrative Medicine os ensaios clínicos que utilizaram encontrou participantes que diminuíram significativamente hábitos alimentares compulsivos, a melhoria do auto-controle no que diz respeito à alimentação, peso perdido em um ritmo gradual e sustentável, e manteve esta perda de peso durante pelo menos 16 meses. Verificou-se que a prática de algumas técnicas simples do mindfulness é o suficiente para efetivamente construir esta auto-consciência, até o ponto onde você pode pular fora do piloto automático sempre que quiser, e pensar com clareza sobre o que você está fazendo – ou o que você era , até que ponto, a ponto de colocar em sua boca.

E muitos nutricionistas, em todo mundo, já adotam o Mindfulness ou como muitos chamam o “Mindfu lEating” para ensinar às pessoas uma atitude mais saudável perante a comida. Ficam aqui apenas algumas dicas de como se tornar Mindfulness à mesa:

- Coma sempre como se a comida fosse gourmet, sentindo, tocando e cheirando cada garfada;
- Coma sentado, à mesa, sempre que possível, eliminando o máximo de distrações;
- Mesmo que esteja sozinho, use a sua louça de festas, aquela mais fina que guarda para ocasiões especiais, pois cada refeição consigo mesmo deve ser especial;
- Não faça outras tarefas enquanto come , não use o celular ou mesmo o computador! Foque a sua atenção no comendo;
- Da mesma forma, desligue a televisão, pois quando estamos distraídos temos tendência a esquecer que estamos comendo;
- Coloque os talhes no prato a cada garfada, pois isso obriga- você a ter mais calma enquanto come e a ter paciência;
- Inspire e expire profundamente antes de começar a comer – concentre-se no momento presente;
- Deixe o melhor por último, aquele pedaço final de bife por exemplo, e saboreie-a bem, pois será a sua recordação da refeição;
- Cozinhe de forma mindfulness, aproveitando cada toque, cheiro, gosto, cor ou som que os alimentos exibam, focando a sua atenção em cada estímulo sensorial de sua vez, mantendo a sua mente no aqui e agora;
- Preste atenção ao ritmo das outras pessoas que comem consigo, porque temos tendência a comer em sincronia – então, experimente comer com outro ritmo;
-Se você esta muito estressado, troque de mãos ao segurar os talheres, ou seja, se usa o garfo normalmente na mão direita, use na esquerda e vice versa, isto irá ajudá-lo a comer mais devagar e a estar muito mais concentrado no ato de comer;

E experimente comidas novas – a rotina é o caminho certo para se esquecer da boa alimentação. Fique consciente de tudo o que se come e o que não come. E nem falamos da consciência plena cultivada ao praticar atividades físicas, correr, caminhar.




Quer fazer uma Avaliação ou marcar uma consulta ?
Avaliação

A tecnologia da bioimpedância simplicidade e rapidez, fornecendo uma informação completa sobre a nossa condição atual e uma orientação sobre a composição corporal ideal.

Planejamento

A partir dos dados obtidos serão traçados objetivos e metas para o paciente. Será elaborado um plano nutricional e um cardápio personalizado e individual.

Suplementação

Tanto o plano alimentar quanto a suplementação será direcionada conforme as necessidades do paciente: perda de peso, ganho de massa muscular, performance, preparo físico e competições.

Quer receitas e Cardápios em seu e-mail ?